Castro Soromenho

04/06/2010

Jurema José de Oliveira – O Estrangeiro em Castro Soromenho

“Viver com o outro, com o estrangeiro, confronta-nos com a possibilidade ou não de ser um outro. Não se trata simplesmente, no sentido humanista, de nossa aptidão em aceitar o outro, mas de estar em seu lugar o que equivale a pensar sobre si e a se fazer outro para si mesmo.3

(…) O objectivo deste trabalho será detectar o lugar dos ‘miúdos’, filhos de mães negras e pais brancos, no romance Terra Morta (1949).”

(3 DELEUZE, Gilles & GUATTARI, Félix. Kafka: por uma literatura menor.)

O artigo está disponível no sítio da União dos Escritores Angolanos (O estrangeiro em CS Jurema José de Oliveira).

Deixe um comentário »

Nenhum comentário ainda.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: