Castro Soromenho

28/09/2016

Minha fotografia preferida do ACS – África

Filed under: Acervo Castro Soromenho, Literatura — sobrecs @ 0:18

Rocha e ponte

 

Sou atraído pela rocha no primeiro plano, maciça, a impor-se ao rio, e, por sua centralidade, a orientar o meu olhar.
A coluna de pedra no centro da fotografia, na margem esquerda do rio, às vezes me parece uma pintura. É larga e sólida à primeira vista, mas, depois, me parece tênue, quase translúcida, como se fosse o detalhe de uma aquarela. E, no entanto, sustenta a ponte.
As figuras, do centro para a direita. No começo, posturas coloquiais, uma família, criança ao colo. À medida que o meu olhar se dirige para a direita, as figuras se mostram mais sólidas, estáticas. Mas não é uma transição de todo gradual. A distância entre o penúltimo e o último homem, esse espaço vazio sobre a ponte, acentua, na verdade, a ruptura entre o quadro coloquial e o homem à direita, isolado e ereto, uma estátua, que faz contraponto à rocha, que primeiro atraiu o meu olhar.
E o rio, que parece pedra líquida.
O envelhecimento da fotografia transformou o céu. É como se fosse tecido amarelecido pelos anos. É um pano de fundo, estranho, inquietante.”

Deixe um comentário »

Nenhum comentário ainda.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: